Kamui Kobayashi Feliz Aniversário

13/09/2010

Kamui Kobayashi (Amagasaki, 13 de Setembro de 1986) é um automobilista japonês que foi piloto de testes da extinta equipe Toyota F1 e, atualmente, corre pela Sauber na Fórmula 1. Foi campeão da GP2 Asia Series 2009.

 
Kobayashi começou a carreira automobilística no kart, em 1996, ao nove anos.
 
Em 2003 disputou a Fórmula Toyota e chegou em 2º lugar. Nos anos seguintes passou a disputar a Fórmula Renault nos campeonatos da Ásia, Alemanha, Itália e Países Baixos, sendo campeão da italiana e da européia em 2005.
 
Em 2008 tornou-se piloto de testes da Fórmula 1 pela equipe Toyota Racing e passou a competir a GP2, conquistando no ano sequinte o título de campeão da GP2 Asia Series.
 
No Grande Prêmio do Japão de 2009, Kobayashi pilotou nas duas primeiras sessões de treinos livres em lugar de Timo Glock, que estava indisposto. Glock recuperou a tempo de participar na terceira sessão de treinos livres e qualificação, mas depois de bater na ultima sessão do feriu a perna e não pôde participar da corrida. Toyota pediu a FIA permissão para executar Kobayashi na corrida, mas o pedido foi recusado por constar no regulamento que um piloto deve ser executado em pelo menos uma sessão no sábado, a fim de ser elegível para começar a corrida.
 
Kobayashi fez sua primeira corrida na Fórmula 1 no GP Brasil de Fórmula 1 de 2009, quando foi escolhido pela equipe Toyota para substituir o titular Timo Glock, que sofreu um acidente no Grande Prêmio do Japão. O piloto terminou a corrida em 10º lugar e surpreendeu a todos pelas ultrapassagens feitas, inclusive sobre o então líder do campeonato Jenson Button, com quem teve uma acirrada disputa pela sexta posição. Posteriormente a corrida, Heikki Kovalainen foi punido com o acrescimo de 25 segundos no tempo total de prova devido ao incidente nos boxes, quando saiu carregando a mangueira de combustível presa no carro e Kobayashi herdou o 9º lugar.
 
Para o Grande Prêmio de Abu Dhabi, a Toyota resolveu não correr riscos e decidiu poupar o piloto titular Timo Glock. Dessa forma, Kobayashi teve sua segunda oportunidade de pilotar na temporada, quando conquistou seus primeiros pontos na categoria, chegando na sexta posição.
 
Em 4 de novembro de 2009 a Toyota anunciou a retirada da equipe da Fórmula 1, por razões econômicas, deixando o piloto sem equipe para a temporada 2010. No entanto, em 17 de dezembro de 2009, a equipe Sauber anunciou a contratação de Kobayashi como piloto titular. Terá como companheiro de equipe o experiente Pedro de la Rosa.
 
No dia primeiro de janeiro de 2010, a ultrapassagem do japonês sobre o campeão Jenson Button, realizada durante o Grande Prêmio de Abu Dhabi, foi eleita por votação do site inglês F1 Fanatic, como a melhor manobra da categoria na temporada de 2009.
 
O começo da temporada de 2010 não foi bom para Kobayashi. Durante a primeira prova, o Grande Prêmio do Bahrain, teve de abandonar a corrida com problemas hidráulicos no carro. Na segunda, no Grande Prêmio da Austrália, o piloto japones envolveu-se em um acidente logo na primeira curva. No Grande Prêmio da Malásia o piloto japonês também não teve sorte e seu motor quebrou logo na nôna volta. Na China envolveu-se em um acidente. Na etapa seguinte, na Espanha, o japonês conseguiu terminar a primeira corrida na temporada, chegando em 12º.
 
No Grande Prêmio da Turquia, o piloto japonês marcou o primeiro ponto da equipe Sauber na temporada. Na corrida seguinte, o Grande Prêmio do Canadá, envolveu-se em um acidente logo no início da corrida, sendo obrigado a abandonar a prova.
 
No grande Prêmio da Europa, Kobayashi voltou a marcar pontos, destacando-se por ultrapassar o bi-campeão Fernando Alonso e Sébastien Buemi na ultima volta da corrida, passando da nôna para a sétima posição. O piloto japonês largou apenas na décima oitava posição e chegou a assumir o terceiro lugar após a entrada do safety car, quando os demais pilotos pararam nos boxes. Ao final da corrida o piloto japonês foi muito elogiado pelo chefe de equipe Peter Sauber.
 
Registros na Fórmula 1
  • Nacionalidade Japonês 
  • Anos 2009 –
  • Time(s) Toyota, Sauber
  • GPs disputados 15
  • Campeonatos 0
  • Vitórias 0
  • Pódios 0
  • Pontos 24
  • Pole positions 0
  • Voltas mais rápidas 0
  • Primeiro GP Grande Prêmio do Brasil de 2009
  • Primeira vitória -
  • Última vitória -
  • Último GP Grande Prêmio da Bélgica de 2010

Posts Relacionados

0 comentários :