Quando a gente pensa que viu de tudo...

03/02/2011

Caros Amigos Gpexpert,


Esta semana gostaria de destacar apenas os assuntos referentes aos novos carros e suas possíveis mudanças, mas o assunto do dia, infelizmente, foge desse território.

Hoje a FIA soltou um comunicado, dizendo que pretende implantar a chamada "zona de ultrapassagem".

Nem vou tentar explicar, fico indignado cada vez leio sobre este assunto. Parece tão caótico, que parece irreal.
Vocês imaginem o tanto de confusão que isso vai criar. Primeiro: como piloto dentro do carro vai sai saber se está a 1 segundo carro à frente naquele EXATO instante? Vai ser um festival de punições...

Outra coisa, parece que o aumento de velocidade criado pelo nova asa, não será tão significativo, o que não facilitará tanto as ultrapassagens.

Moral da História: A FIA atesta com isso, que não sabe como resolver o problema de ultrapassagem e que pode inventar maluquices a qualquer instante, para tentar blindar este fato.


Voltando aos testes e aos novos carros. De uma maneira geral, não houve nenhuma grande mudança nos novos carros já apresentados (Faltam McLaren, Force India, Virgin e a Hispânia). As equipes se basearam na fórmula vencedora da RBR em 2010 e praticamente colocaram de aerodinâmicas frontais muito parecida. (Quem não viu as fotos dos lançamentos, basta pesquisar no blog).
A única é a mudar muito a frente de seu carro para 2011 foi a Mercedes, que mudou o estilo do carro que era muito parecido com o carro da Brawn de 2009, como a permanência da ideia fracassou em 2010, foi necessária essa mudança. Quem comparar os carros de 2010 e 2011, notará uma grande mudança no bico e nas entradas de ar do motor.
Outro fator é que com a retirada do duto F, as equipes ainda estão acertando o chamado "cofre do motor". Neste ponto a RBR está usando uma aerodinâmica diferenciada, com uma semi barbatana e um divisor no meio da asa traseira, para direcionar o fluxo de ar.

Com relação as pinturas, acho que as duas equipes Lotus foram as que melhor produziram o layout do carro (embora pra mim, nenhuma delas seja a Lotus mesmo!!!), tiveram o bom senso de não fazer os dois carros preto-dourado ou verde-amarelo.
A Sauber, está sendo duramente criticada pela escolha da pintura, mas não sei se merece estas criticas, pois o carro não é tão feio assim e ainda temos lançamentos pela frente.

Mas sem dúvida nenhuma, o grande destaque é este escapamento Frontal da Renault-Lotus.
Esta ideia surge do conceito do fluxo gerado pelo escapamento, aumente a velocidade do ar debaixo do carro e gere mais downforce.
Este conceito parece inteligente, mas a quem diga que é muito arriscado, pela alta temperatura deste escapamento passando pelo carro. Só o tempo dirá se é correto ou não apostar nisso.
Mas particularmente, torço pra que seja uma ideia produtiva, pois a F1 é boa quando tem estas ideias criativas, quando de repente, aparece algo que muda os conceitos e desperta o interesse.
Disso o público gosta e é o que o público quer, não dessas bobagens de regulamento trazida por dirigentes nunca pilotaram ou nunca foram numa fábrica ver projetos de engenharia e acham que com suas canetadas vão melhorar a Formula1.
Tomara que as equipes que faltam estrear seus carros tragam coisas e ideias novas que ajudem a desenvolver este esporte, com isso aumente o nosso interesse e faça com que diminua a relevância das canetadas dos cartolas.


Abraços and keep youself alive!!



Posts Relacionados

1 comentários :

Fernando disse...

O próximo passo é pintar as famosas linhas contínuas que vemos nas estradas de proibida ultrapassagem rss...

Agora falando sério, isso é total falta de senso, a ultrapassagem é algo que você vai construíndo nas voltas anteriores, ou, aproveitando um erro do carro a frente, uma escapada, uma freada tardia, o que for.

Infelizmente, assim, vai se acabando com um esporte que já teve disputas maravilhosas.