Sonic e a Williams

02/06/2011

Ao final da década de oitenta uma revolução chegou ao mercado eletroeletrônico. A Sega mostrava ao mundo seu novo console de 16 bits, o Mega Drive (ou Genesis, nos Estados Unidos), com objetivo de sepultar o console ultrapassado de 8 bits da Nintendo.

Apenas dois anos depois, esta retomaria o crescimento com o Super Nintendo.


Se o novo processador conferia uma velocidade incrível aos jogos, era a hora perfeita para substituir o emblemático Alex Kidd como mascote da companhia - era necessário uma novo estilo, que ressaltasse o poder do Mega Drive.

O projeto só ficou pronto em 1991, com um ouriço azul, de nome fácil – Sonic – que conseguiria desenvolver altas velocidades e conferia uma dinâmica jamais vista em nenhum outro jogo da época.

A Sega se preocupou bastante em reforçar a imagem de vídeo game mais rápido até então, e resolveu investir na equipe que dominava o cenário da Fórmula 1 no início da década de 90. A parceria com a Williams foi firmada para a temporada de 1993.

Na foto abaixo, na abertura do campeonato, em Kyalami, Alain Prost e Damon Hill posam ao lado do mascote, devidamente fantasiados com luvas brancas e sapatilhas vermelhas.

fonte: blogsportf1

Posts Relacionados

0 comentários :