Franchitti: US$ 2,47 milhões pela vitória

29/05/2012

Foram quase 13,3 milhões de dólares em prêmios divididos entre todos os pilotos que disputaram a prova

Dario Franchitti foi premiado com US$ 2.474.280,00 por sua terceira vitória nas 500 Milhas de Indianápolis. O piloto escocês também venceu a prova em 2007 (pela Andretti) e em 2010 (pela Ganassi). Tetracampeão da Fórmula Indy, Franchitti é o décimo piloto a vencer as 500 Milhas pelo menos três vezes - clube do qual Helio Castroneves também faz parte.

O piloto da Ganassi largou da 16ª posição, liderou sete vezes por 23 voltas e garantiu a vitória na última volta, após tentativa de Takuma Sato de tomar a liderança. O japonês acabou rodando e batendo no muro, causando a bandeira amarela que levaria até a quadriculada. Sato, mesmo assim, levou 301 mil dólares pela 17ª colocação. A corrida teve 34 trocas de líder, a maior da história, superando o recorde de 29 em 1960.
Segundo colocado na corrida, Scott Dixon venceu a prova em 2008. Ele largou da 15ª posição com o carro da Ganassi para levar US$ 1.102.280,00. Foi a sétima vez consecutiva que o neozelandês termina entre os seis primeiros.

Melhor brasileiro na corrida, Tony Kanaan terminou pela quinta vez seguida entre os cinco melhores. Terceiro colocado, o piloto da KV Racing foi premiado com US$ 636.580,00. Oriol Servia foi o piloto que mais posições ganhou na prova, saindo de 27º para terminar em quarto. O espanhol ganhou US$ 443.430,00 pelo resultado.

Pole position, Ryan Briscoe terminou apenas em quinto, mas ficou com US$ 489.930,00. Todos os pilotos que largam nas 500 Milhas têm direito a uma premiação em dinheiro definida pelo feito de cada um e com os patrocinadores da corrida.

Helio Castroneves, décimo colocado na prova, faturou US$ 308.930,00, enquanto Rubens Barrichello, 11º, levou US$ 331.080,00 por ter sido o melhor estreante da corrida. Bia Figueiredo, que terminou na 23ª colocação, levou 252 mil dólares por ter terminado a prova. Até mesmo os dois últimos colocados, Simona de Silvestro e Jean Alesi, que levaram bandeira preta por causa do ritmo de seus carros - viravam tempos 105% piores que os do líder da prova na ocasião - e só deram 11 voltas, levaram respectivamente 301 e 251 mil dólares.


Confira a premiação:

1º. Dario Franchitti (ESC/Chip Ganassi-Honda), US$ 2.474.280,00
2º. Scott Dixon (NZL/Chip Ganassi-Honda), US$ 1.102.280,00
3º. Tony Kanaan (BRA/KV-Chevrolet), US$ 636.580,00
4º. Oriol Servià (ESP/Panther DDR-Chevrolet), US$ 443.430,00
5º. Ryan Briscoe (AUS/Penske-Chevrolet), US$ 489.930,00
6º. James Hinchcliffe (CAN/Andretti-Chevrolet), US$ 357.680,00
7º. Justin Wilson (ING/Dale Coyne-Honda), US$ 303.430,00
8º. Charlie Kimball (EUA/Chip Ganassi-Honda), US$ 277.655,00
9º. Townsend Bell (EUA/Schmidt Hamilton-Honda), US$ 251.305,00
10º. Hélio Castroneves (BRA/Penske-Chevrolet), US$ 308.930,00
11º. Rubens Barrichello (BRA/KV-Chevrolet), US$ 331.080,00
12º. Alex Tagliani (CAN/BHA-Honda), US$ 252.205,00
13º. Graham Rahal (EUA/Chip Ganassi-Honda), US$ 306.680,00
14º. J. R. Hildebrand (EUA/Panther-Chevrolet), US$ 306.680,00
15º. James Jakes (ING/Dale Coyne-Honda), US$ 252.555,00
16º. Simon Pagenaud (FRA/Schmidt Hamilton-Honda), US$ 303.680,00
17º. Takuma Sato (JAP/Rahal Letterman-Honda), US$ 301.755,00
18º. Ernesto Viso (VEN/KV-Chevrolet), US$ 303.430,00
19º. Michel Jourdain Jr. (MEX/Rahal Letterman-Honda), US$ 253.305,00
20º. Sébastien Bourdais (FRA/Dragon-Chevrolet), US$ 252.805,00
21º. Ed Carpenter (EUA/Carpenter-Chevrolet), US$ 304.930,00
22º. Katherine Legge (ING/Dragon-Chevrolet), US$ 303.680,00
23º. Bia Figueiredo (BRA/AFS Andretti-Chevrolet), US$ 252.805,00
24º. Marco Andretti (EUA/Andretti-Chevrolet), US$ 368.480,00
25º. Josef Newgarden (EUA/Fisher Hartman-Honda), US$ 257.805,00
26º. Sebastián Saavedra (COL/AFS Andretti-Chevrolet), US$ 256.305,00
27º. Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti-Chevrolet), US$ 346.680,00
28º. Will Power (AUS/Penske-Chevrolet), US$ 310.430,00
29º. Mike Conway (ING/A. J. Foyt-Honda), US$ 305.430,00
30º. Bryan Clauson (EUA/Fisher Hartman-Honda), US$ 258.055,00
31º. Wade Cunningham (NZL/A. J. Foyt-Honda), US$ 251.555,00
32º. Simona de Silvestro (SUI/HVM-Lotus), US$ 303.430,00
33º. Jean Alesi (FRA/Fan Force-Lotus), US$ 251.555,00



Posts Relacionados

2 comentários :

Teté disse...

Jean, você sabe os critérios da distribuição dessa grana? Achei tudo meio confuso... tem gente cá atrás ganhando mais do que os que estão na frente.... desse jeito eu tb quero ganhar alguma coisa... hehehe...
Grande abraço!
Teté

Jean Coraucci disse...

Teté sei não recebi os dados da acessoria de imprensa da categoria, acredito que entre muita coisa em conta como grid de largada se o piloto e novato, quantidade de voltas que ficou entre os cinco primeiros, entre os dez primeiros e por ai vai, deve ser mais ou menos isso acredito eu