Mais que uma vitória

29/06/2012

Caros Amigos do Gpexpert,

E Valência veio, e Valência foi. Foi para voltar em 2014. Sinceramente, não sei se deixará saudades, embora seja um lugar lindíssimo, o traçado em nada agregou a F1. Entretanto, este ano teve sua melhor corrida dos 5 anos em que foi disputado o GP. Para ser a cereja do bolo, o herói local, Fernando Alonso, venceu e disparou na liderança do campeonato.
Um vitória que parecia muito possível na sexta, com o desempenho satisfatório da Ferrari com carros em condição de corrida, mas que parecia improvável com o desempenho inesperado no sábado. Mesmo com uma má qualificação, o piloto espanhol foi perfeito no domingo, sendo combativo e rápido, mas sem se esquecer de sua habitual sorte, sem ela não haveria vitória. Vettel teria vencido, já que fazia uma corrida precisa. Sem se esquecer da quebra de Grosjean que era uma ameaça ao seu triunfo. O alemão e o francês foram traídos pela bateria.
A corrida acabou sendo fora dos padrões de Valência, acidentes e ultrapassagens, mas graças aos pneus Pirelli, pois a Asa Móvel em pouco ajudou.
Digo que foi mais que uma vitória, além de vencer em casa, os dois concorrentes diretos ao título ficaram com zero pontos. Vettel por azar e Hamilton por teimosia. Se o inglês foi brilhante no Canadá, na Espanha foi pífio. Foi muito comedido na estratégia ao guardar os pneus esperando que os da Ferrari acabassem, os seus acabaram antes. Se tivesse feito a estratégia do Canadá, talvez tivesse sido melhor, e pior, sem pneus não tinha como segurar Maldonado, que forçou a barra, mas Hamilton tinha muito a perder e não devia ter dividido a curva com o venezuelano na última volta. Pagou caro.  
Numa temporada em que ninguém se impõe como força, está vitória de Alonso pode ter sido um passo importantíssimo para o título.    
Há pouco a se falar novamente dos brasileiros. Felipe Massa parecia que ia bem, mas mesmo com a batida é injustificável chegar uma volta atrás, teve melhora de algumas corridas para cá. Terá um post destacando sua participação.
Com relação a Bruno Senna, teve uma péssima classificação, vinha fazendo uma corrida boa, mas foi atrapalhado por Mika Salo. Mika Salo? Sim, ele mesmo. A punição a Bruno Senna foi sem explicação. Aliás, tem sim, ajudar seu conterrâneo Valteri Bottas que é o reserva natural de Bruno  na Williams.
Um incidente de corrida, em que os dois foram prejudicados não cabia punição a nenhum deles, muito menos ao Brasileiro. Por sorte, Maldonado jogou tudo no ar com sua afobação e equilibrou as coisas para Bruno.
E o resto foi o resto...
Abraços and keep yourself alive!   

Posts Relacionados

0 comentários :