Mercado da Fórmula 1 segue agitado

08/11/2012

Apesar das três principais equipes do grid já terem definido seus pilotos para a temporada 2013, o mercado da Fórmula 1 segue agitado. Sete times ainda não têm suas duplas definidas e muitos pilotos pleiteiam as vagas. Estão definidas, além de Ferrari , McLaren e Red Bull, a Toro Rosso e a Mercedes. A seguir, confira como está a situação nas outras escuderias. 


Lotus
Kimi Raikkonen, que faz grande temporada no seu ano de volta à F1, já está confirmado para 2013 . O finlandês deve mais uma vez ter como companheiro Romain Grosjean. O francês, que foi criticado diversas vezes durante o campeonato por causar muitos acidentes, conseguiu mudar o cenário nas últimas provas e foi elogiado por Eric Boullier, chefe da equipe. Desta forma, seria surpreendente se o piloto deixasse o time. Seu único rival é Jérôme D’Ambrosio, atual reserva da Lotus e que tenta voltar a ser titular na F1 após ter disputado a temporada 2011 com a Marussia.

Williams
A equipe britânica ainda não definiu nenhum de seus pilotos para 2013. A questão chave são os fortes patrocinadores. No caso de Pastor Maldonado, o apoio da estatal venezuelana PDVSA praticamente garante o piloto por mais uma temporada no time de Grove. Além do dinheiro, Maldonado também conseguiu apresentar alguns bons resultados em 2012, principalmente a vitória no GP da Espanha .
Bruno Senna, por sua vez, também tem bons patrocínios, mas nem isso garante sua permanência por mais um ano. Isso porque seu grande rival pela vaga é o finlandês Valtteri Bottas. O atual reserva da escuderia conta com apoio de Toto Wolff, diretor executivo e um dos acionistas da Williams. Além disso, o finlandês ganhou rodagem nesta temporada por ter guiado o carro de Bruno Senna em quase todos os primeiros treinos livres do ano.

Force India
A equipe indiana é outra que ainda não anunciou oficialmente nenhum de seus pilotos para 2013. Paul di Resta, no entanto, é nome praticamente certo. Para a vaga de Nico Hulkenberg, que correrá pela Sauber, há muitos candidatos. Dentre eles, dois brasileiros: Bruno Senna e Luiz Razia. Mas há outros nomes mais fortes.


Jules Bianchi, atual reserva do time, luta para conseguir uma vaga de titular pela primeira vez. Seu principal concorrente é Adrian Sutil, que guiou pela equipe entre 2008 e 2011 e já foi citado pelo dono da Force India, Vijay Mallya, como possível companheiro de Di Resta. Sébastien Buemi e Jaime Alguersuari são outros cotados para vaga. 

Sauber

Nico Hulkenberg já está confirmado para o lugar de Sergio Pérez (que foi para a McLaren) para 2013. Kamui Kobayashi, o outro piloto da equipe atualmente, dificilmente permanecerá. Para o lugar do japonês, o nome mais cotado é o de Esteban Gutiérrez. O mexicano, bancado pela gigante de telecomunicações Telmex, seria responsável por manter o patrocínio para a equipe suíça. O empresário Carlos Slim já deixou claro que só manterá a parceria com o time caso Gutiérrez assuma o posto de titular.

Caterham
Na Caterham, nada está definido. Vitaly Petrov não deve ficar na equipe e pode ser substituído, por exemplo, por Bruno Senna, que levaria bons patrocinadores para o time. Nomes como Charles Pic e Giedo van der Garde também aparecem com força. A situação de Heikki Kovalainen também está indefinida e o piloto pode deixar o time de Tony Fernandes.

Marussia
Timo Glock tem contrato até 2014 e ainda não sabe quem será seu companheiro para a próxima temporada. O nome que aparece com mais força para substituir Charles Pic é o de Max Chilton, atual reserva do time e que substituiu o francês em alguns treinos livres. 

HRT
Pedro de la Rosa tem contrato de mais um ano com a equipe, mas, mesmo assim, não está 100% confirmado, já que o time espanhol depende muito de patrocinadores. Narain Karthikeyan dificilmente ficará para 2013 e o candidato mais forte para substituí-lo é Dani Clos, atual reserva.

fonte: ig.com

Posts Relacionados

0 comentários :