Logos da Formula 1

20/05/2013


Começando pelo logo da própria Fórmula 1.
Pouca gente sabe, mas o símbolo apresenta um "F" e DOIS "1s": um vermelho e outro branco.

O cavalo rampante sobre o fundo amarelo da Ferrari era o símbolo usado no avião de Francesco Barraca, um piloto de caça italiano que morreu como herói na Primeira Guerra Mundial. A pedido da mãe de Barraca, Enzo Ferrari adotou o emblema em seus carros.

A estrela de três pontas da Mercedes representa a fabricação de motores para serem usados em terra, água e ar.

A Alfa Romeo, primeira campeã da Fórmula 1 tem um logo bastante interessante. De um lado, há o brasão da cidade de Milão (a cruz vermelha, presente também no escudo do time do Milan). Na outra parte, há o símbolo da família real milanesa: uma serpente devorando um homem desesperado!
O nome é a junção de A.L.F.A (Anonima Lombarda Fabbrica Automobili) com o sobrenome de seu fundador, Nicola Romeo.

O símbolo da Renault é um diamante, que representa a sofisticação dos donos dos carros da marca (Renault já foi carro apenas de ricos, acreditem).


O logo da BMW representa uma hélice de avião. Originalmente, a fábrica produzia motores para aeronaves.

O símbolo da Auto Union consiste em quatro anéis entrelaçados, cada um deles representando uma das quatro empresas que deram origem à marca: Audi, Horch, DKW e Wanderer. O logo representa a união entre elas.

O logotipo da Ford nada mais é que a assinatura de seu fundador, Henry Ford.

O touro está presente no escudo da Lamborghini graças ao fanatismo de seu fundador, Ferruccio Lamborghini, por touradas. Alguns carros da marca, como Diablo e Murciélago têm nomes de touros famosos.

O logo da Porsche é formado pela sobreposição de dois brasões: o do fundo representa o estado de Baden-Württenberg. O outro, no centro, representa a cidade de Stuttgart, na Alemanha, sede da empresa.

A Maserati ostenta o tridente de Netuno, símbolo da cidade de Bolonha.


O leão da Peugeot (esquerda) homenageia a cidade de Lyon (brasão à direita).


O logo da Honda é um "H" levemente inclinado para a direita, simbolizando o caminho para o futuro.


O símbolo da toyota consiste na sobreposição das letras que formam o nome da montadora (é possível ver, no logo, a presença das letras "t", "o", "y" e "a").



O primeiro logo da McLaren trazia o desenho de um kiwi. O simpático bicho é muito comum na Nova Zelândia, terra do fundador da equipe, Bruce McLaren. Já o logo atual mostra um bumerangue estilizado, que é um objeto símbolo do país.

Pra quem não sabe, Red Bull é uma marca de energéticos...
O austríaco Dietrich Mateschitz, durante uma viagem a Tailândia, descobriu um líquido que continha, entre outras substâncias estimulantes, cafeína e taurina. Daí, os touros presentes no símbolo da bebida e da equipe.

A Lotus traz as iniciais de seu fundador: Anthony Colin Bruce Chapman.
O verde é a cor designada para carros de origem britânica competindo em eventos internacionais.
O amarelo representa os dias ensolarados que Chapman esperava ter pela frente em sua empresa.


Como a BAR pertencia a British American Tobacco (BAT), seu logotipo traz uma folha da planta.

A falecida Arrows possuia esse nome em referência a seus fundadores: Franco Ambrosio (A), Alan Rees (R), Jackie Oliver (O), Dave Wass (W) e Tony Southgate (S) . O segundo "R" foi colocado para dar sonoridade e formar a palavra Arrows (flechas). E é exatamente esse o símbolo da equipe.

O logotipo da Prost é um velocímetro, mas que ainda não havia atingido a velocidade máxima, mostrando que a equipe ainda teria a melhorar.

O símbolo da Shadow é o herói "The Shadow" (O Sombra, no Brasil). O personagem foi concebido para os programas de rádio na década de 1930. Foi criado por Walter Brown e chegou a ser interpretado por Orson Welles. Posteriormente, também foi para os quadrinhos e para o cinema.

A Reynard recebeu esse nome por causa de seu fundador, Adrian Reynard. Entretanto, quem aparece no símbolo é outro Reynard, uma raposa que foi protagonista de alguns contos datados dos séculos XII e XIII. O personagem era malandro e desagradável, mas bastante esperto e carismático.


O símbolo da Super Aguri possui 3 elementos:
- O 'S' mostra o desafio para que a equipe e seus pilotos encontrem um traçado perfeito em uma corrida.
- O 'Fogo' representa a capacidade em dominar tudo.
- A 'Estrela-Ninja' está relacionada a potência, velocidade e precisão.

Fonte: http://formula-2.blogspot.com.br/2011/10/logos-da-formula-1.html

Posts Relacionados

2 comentários :

Carlos Del Valle / Podcast F1 Brasil disse...

Parabéns pelo artigo, bem interessante.
Acho que a história da hélice de avião da BWM é um hoax, na verdade é a bandeira ou escudo da Bavária que tem esse xadrez com azul, dá uma olhada em Bavarian flag no Google images e também em
http://en.wikipedia.org/wiki/BMW#Roundel_logo
abraço

Sidney Andreato disse...

Olá Carlos
Eu fiz uma pesquisa sobre o logo e descobri que, até meados dos anos 60, as empresas alemãs não podiam utilizar símbolos nacionais ou regionais em seus logos. O símbolo do Bayern de Munique, por exemplo, ainda não trazia o desenho que você falou.

Mas não sei se foi uma maneira de disfarçar ou uma coincidência.