Ribeirão Preto verá muita briga pela vitória na Stock Car

05/08/2013




A sétima etapa da temporada do Circuito Nova Schin Stock Car, a ser disputada no domingo, às 10h30, nas ruas do Distrito Industrial, em Ribeirão Preto, cidade do interior paulista, promete muita emoção. Além de o traçado ser novo, pois o anterior, ao lado do Mercado, foi substituído, a briga pelas primeiras posições tem sido a mais intensa e equilibrada dos últimos anos. A liderança está nas mãos de Ricardo Maurício, campeão de 2008, seguido de perto por Daniel Serra e pelo pentacampeão Cacá Bueno.

Ricardinho tem 111 pontos com uma vitória no ano, e é acompanhado por Serrinha, com 110, e dois primeiros lugares em 2013, mesmo número de lugares no ponto mais alto do pódio de Cacá Bueno, que tem 107 pontos. O quarto colocado é Thiago Camilo, com 88, seguido por Max Wilson, já mais distante, mas nem por isso fora da briga pelo bicampeonato, com 64. 

Faltam ainda seis etapas, contando com esta de Ribeirão Preto, para o encerramento da 35ª temporada da Stock Car, e mais uma vez a decisiva prova do ano terá pontuação dobrada. Assim, além do prêmio de R$ 1 milhão, a Corrida do Milhão dará 50 pontos ao ganhador e todos os outros terão dobrados o número de pontos marcados. Muita gente pode se manter na disputa até a etapa decisiva.

O novo traçado de cerca de 2.500 metros no Distrito Industrial de Ribeirão será uma incógnita para todos os 34 pilotos da principal categoria do automobilismo brasileiro. Nunca ninguém andou ali e os primeiros treinos, nesta sexta-feira a partir das 14h30, serão de reconhecimento do novo traçado. Hélio Castroneves, piloto convidado para esta etapa e que terá o privilégio de pela primeira vez na carreira correr em casa, terá direito a dois treinamentos a mais, um na própria sexta, das 13h30 às 14h20, em seguida ele participa da prática normalmente junto com os outros, e depois retorna para mais um reconhecimento do carro das 16h às 16h50. 

Três vezes ganhador das tradicionalíssimas 500 Milhas de Indianápolis, uma das provas mais importantes do mundo, Helinho já conhece um pouco o Stock Car devido à participação na Corrida do Milhão do ano passado, mas precisa de grande adaptação por somente guiar monopostos, carros de corrida totalmente diferentes dos de Turismo.

Na sexta-feira, das 9h às 10 horas haverá a homologação da pista pela Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA). E das 10h15 às 11 horas a simulação de resgate do piloto do carro em caso de acidente. No sábado, das 8h às 8h50 entra na pista o primeiro grupo de 17 carros e em seguida o segundo, também com 17 bólidos. Depois, retornam para mais um reconhecimento de pista em busca do acerto ideal a partir das 11h40, novamente em duas séries com a presença de um carro de cada equipe por vez na pista. 

O classificatório, que define o grid da sétima etapa está marcado para começar às 16 horas do sábado e todos partem direto para a definição do grid, como acontece em todas as provas de rua. A ordem de entrada na pista é a inversa da classificação geral do campeonato. Os últimos fazem primeiro as tomadas de tempo.


Posts Relacionados

0 comentários :