Quando iniciar, amanhã, os treinos do Firestone Grand Prix of St. Petersburg, prova de abertura do 2014 Verizon IndyCar Series, em St. Petersburg (FL, USA), o piloto brasileiro Helio Castroneves estará ampliando números que já fazem dele um dos mais importantes pilotos da categoria sediada nos Estados Unidos. Próximo de completar 39 anos, no dia 10 de maio, Castroneves estará começando a sua 17ª temporada na Indy (incluindo as bandeiras CART, IRL e IndyCar) e 15ª no Team Penske.

Brasileiro com o maior número de vitórias na Indy, com um total de 28 triunfos, Castroneves tem 42 poles, 277 corridas oficiais e exatos 4972 pontos acumulados. Sua trajetória inclui passagens pela Bettenhausen (1988), Hogan (1999) e Penske, time que defende desde 2000. De lá para cá, entrou para a história do automobilismo com seu modo irreverente de comemorar as vitórias e, principalmente, por ter vencido três vezes a Indy 500.

A única conquista que Castroneves ainda não tem é o título da categoria. Vice-campeão em 2002 e 2008, voltou a “bater na trave” no ano passado, quando perdeu a liderança após duplo problema de câmbio na rodada dupla de Houston. Mesmo assim, chegou à última etapa com chances e obteve novo vice-campeonato.

A estratégia desse ano será a mesma. O primeiro objetivo é vencer, mas se isso não for possível, o negócio é uma regularidade com alta pontuação para chegar ao final do campeonato com chances de conquista do título. No ano passado fizemos tudo certo, mas ficamos vulneráveis com os problemas surgidos na penúltima rodada”, disse Castroneves, que em 2012 terá como companheiros de Team Penske o australiano Will Power e o colombiano Juan Pablo Montoya.   

Posts Relacionados

0 comentários :