Saudades de Hockenhim

17/07/2014

Bom desde de segunda estamos falando dos circuitos mutilados, hoje irei falar de Hockenhim, era um dos meus circuitos favoritos com retas longas para várias ultrapassagens, sempre que eu conseguia um jogo novo para o computador ou para o video game era quase certo que seria essa pista onde eu iria dar a primeira volta, mas como os circuitos tradicionais nem sempre são bons para os dirigentes eles vão sumindo com o tempo.

Vamos a história deste circuito.

Hockenheimring, ou circuito de Hockenreim (nome oficial: Hockenheimring Baden-Württemberg) é um autódromo localizado na cidade alemã de Hockenheim. O autódromo abriga o Grande Prêmio da Alemanha de Fórmula 1, e no ano de 2002 teve parte do seu trajeto alterado.

Em cinza o antigo traçado

Hockenheimring é um circuito situado na cidade de Hockenheim, no estado alemão de Baden-Württemberg, inaugurado em 25/05/1932. Ela tinha 12048 metros e era usada nessa época como pistas de testes para a Mercedes-Benz e Auto Union e abrigando corrida da antiga fase dos Grand Prix's, tanto para carros quando para motos.



Em 1965, como a área que a pista ocupava era muito grande e com a Alemanha em franca expansão, pois foi um dos países mais prejudicados pela 2ª Guerra Mundial, a pista foi dividida em duas por causa da construção da rodovia Autobahn A6, tendo assim um novo traçado, mas mantendo as suas características: rápido e desafiador. Ela passou a ter 6817 metros.


Mesmo depois dessa mudança, a F1 ignorava esse circuito, por "falta de segurança", já que ela tinha duas longas retas, com uma curva muito difícil no meio - a Ostkurve - e tendo como a única parte realmente sinuosa localizada no Motodrom, mais conhecido como "estádio". Sem a F1, o circuito abrigava corridas de SportCars e categorias menores como a F2, sendo que foi num treino dessa categoria que o mito Jim Clark morreu, abalando o mundo do automobilismo. Após esse acidente, foram adicionados duas chicanes para diminuir a velocidade e aumentar a segurança, sendo umas delas nomeada com o nome do grande campeão morto no local. Ela passou a ter 6790 metros com a introdução dessas chicanes.


Com a implantação dessas melhorias, a F1 começou a olhar com outro prisma para o circuito, e substituiram Nurburgring como sede do GP Germânico, tendo como vencedor Jochen Rindt. Mas o circo não gostou do que viu nesse ano, e resolveram voltar no ano seguinte para o circuito do "inferno verde", ficando lá até 1976, quando o circuito da cidade de Nurburg foi fechado devido a vários acidentes graves, incluindo o de Niki Lauda, que quase chegou a fatalidade.

Entre 1977 e 1999, o circuito abrigou o GP nacional com a versão de 1970, a exceção foi 1985, que o circo utilizou o circuito de Nurburgring remodelado. Mas a partir de 1980, foi adicionada uma nova chicane antes da Ostkurve, depois que Patrick Depailler faleceu no local.


Essa nova versão foi utilizada até 2001, sendo que, o último vencedor andando de F1 nesse traçado foi Ralf Schumacher, e o último vencedor de fato, foi Laurent Aiello andando de DTM.

Até então, Hockenheim era um dos circuitos mais velozes da Formula 1, com longas retas cortando a Floresta Negra.

A partir desse ano, o "mago" da construção de pistas, Hermann Tilke mutilou a pista, a pedido de autoridades locais, que queriam revitalizar a floresta, e para isso o trecho da pista que ficava dentro da mesma foi retirado do circuito, tendo árvores replantadas nesse trecho. Ela passou a ter 4517 metros, retirando o charme da pista, que eram as longas retas floresta adentro.

Triste é ver como ficou o traçado antigo, olhando pelo google maps ainda parece que a pista esta lá.


Mas olhando de perto vemos que tudo se foi.








Pelo menos o memorial do Clark ainda esta lá


É triste ver o que sobrou da pista antiga da para ver ainda ai no meio da floresta Piquet e Salazar brigando e ver também os pilotos ficando sem combustivel no meio da floresta.

Agora veja uma voltinha no circuito antigo e no novo e me diga qual era mais emocionantes?

Posts Relacionados

0 comentários :