Fumaça e Fogo

15/08/2014

Caros Amigos do Gpexpert,

Em mais uma semana de folga da F1, o que bombou mesmo foi o boato de que a F1 passaria da TV aberta para a TV fechada.Eu esperei uma semana para ver qual seria a atitude da emissora com  relação as notícias.
Para ser honesto, quando li a notícia não me choquei, mas parecia ilógica, já que o lucro gerado na TV aberta Brasileira pela F1 é grande e a proporção ganho/gasto é maior ainda. Para ter noção, sem número exatos, é maior que do tão amado futebol nacional.Por isso, pareceu mais lógico a permanência, embora fosse necessária a manifestação da emissora para reduzir a ira dos fãs e evitar a permanência das especulações, o que criaria um desgaste com patrocinadores.
Voltando ao ponto que em "a notícia não choca", simplesmente pelo fato de F1 está perdendo espaço na TV aberta a cada dia que passa.Em doses homeopáticas, a F1 perde terreno.
Vamos recordar!(Não precisamos ir muito longe...) Todas as corridas nos EUA não são exibidas ao vivo para exibição de uma rodada do campeonato brasileiro. Em 2013, a corrida do Canadá foi cortada no meio para a exibição de um  amistoso da Seleção Brasileira (sem qualquer importância) que não precisava ser naquele horário, e sequer foi exibido compacto pós partida.Finalmente, só tem sido exibido o Q3 dos treinos oficiais.
Neste último, o que mais impressiona é o fato de que quando a emissora corta os desenhos animados para a F1 aos sábados de manhã, seu índice de audiência cai de primeiro para terceiro.Isso Choca!Onde estão os telespectadores da F1?
Chega-se a uma conclusão clara, brasileiro gosta de vitórias brasileiras (exclui-se o futebol) e não há essa perspectiva na F1, nem hoje e nem num futuro próximo, tirando a audiência e mais ainda...A paciência do público Brasileiro com Felipe Massa acabou!
Escuto muitas conversas de leigos dizendo que "sempre o mesmo ganha" e que falta competitividade.Será?Quem seria o "mesmo"? Pura falta de interesse! Essas pessoas nem estão mais acompanhando e não tem outra desculpa para falar.Porém, fica visível, não assistem as corridas.Se audiência cai, o dinheiro dos patrocinadores some!
A questão da migração para a TV fechada, para ser inevitável, pode não ser logo, mas ocorrerá.A perspectiva da chegada de mais pilotos brasileiros na F1 é mínima, só Felipe Nasr, mas nem garantia existe.Será como o Tennis, sem brasileiros, fica engessado e vira um fardo na TV aberta, mas vira produto de luxo na TV fechada (sempre atrás do futebol,claro!).
Outra consideração importante a ser feita,é que se foi ventilada possibilidade da mudança, é provável, que no mínimo, foi cogitada e que já se pensa nisso para um futuro próximo.Embora exista sempre crescimento da TV fechada no Brasil, nunca haverá uma amplitude de cobertura a todo público.A TV fechada é cara no Brasil, muita gente jamais terá condição de pagar por este serviço, consequentemente, a audiência cairia ainda mais.
Sem contar que seria um fim de ciclo, uma era, na TV brasileira.Praticamente, a mesma emissora exibindo, com praticamente, com os mesmos jornalistas há 42 anos de transmissão, seria um triste fim, numa TV brasileira cada vez mais pobre e fútil.Que não acabe dessa forma...
Abraços and keep yourself alive! 

  
  

Posts Relacionados

0 comentários :